Blog da Forlan DF

Test Drive em veículos novos: o que você deve analisar?

Comprar um carro novo sem test drive completo seria como se casar antes do primeiro encontro. Para isso, preparamos algumas dicas para você garantir que realmente tem o pleno conhecimento do veículo antes de realizar a compra.

Quanto mais certezas você tiver, tomando alguns cuidados mesmo antes de dirigir o carro a ser testado, mais fácil será a escolha.

Antes de sair de casa

Faça uma lista de itens que você deseja e que dispensaria, como cores, itens de série, etc. Marque previamente o encontro com os vendedores e gerentes, pois isso fará com que, possivelmente, receba mais atenção.

Na concessionária

Lembre quem é o chefe

Considere o vendedor como alguém que está à sua disposição. Se essa pessoa parece não parece saber muito sobre o veículo que deseja, o ideal é partir para outro atendente.

Não fale em troca por enquanto

Normalmente, os vendedores fazem esse questionamento para que o seu veículo seja avaliado enquanto você testa o novo. Caso não tenha interesse real em realizar esse tipo de transação, isso só irá lhe atrasar.

Dentro do carro

Peça uma demonstração

Antes que comece a dirigir, solicite ao vendedor que lhe mostre o sistema de som, os acessórios, os itens de conforto e tudo aquilo que lhe parecer relevante. Peça também que ele lhe ensine a verificar o nível do óleo e como os itens básicos de manutenção podem ser acessados.

Saiba suas necessidades

Quais são as suas necessidades ao adquirir um novo carro? O tamanho do porta-malas é importante? Este e outros itens devem ser levados em consideração.

Tenha atenção ao conforto

Verifique os assentos destinados aos passageiros. É importantíssimo que eles sejam confortáveis.

Garanta também que o entrar e o sair do veículo é feito de maneira fácil e confortável, principalmente se o carro a ser adquirido for para servir você e toda a sua família.

Além disso, ao se sentar atrás do volante, certifique-se de que a posição de dirigir é confortável e se o acionamento dos pedais é feito naturalmente.

Dirigindo o carro

Traga o veículo para a sua realidade

Um test drive realizado somente em volta do quarteirão não é um test drive. Procure realizar o teste em locais parecidos com os que você dirigirá usualmente, como em vias expressas ou até mesmo engarrafamentos.

Preste atenção aos ruídos

O motor é barulhento? Você gosta desse barulho? A troca de marchas é silenciosa? Existem ruídos no acionamento de freios? E dentro da cabine? Tudo isso deve ser verificado.

Preste atenção também se a suspensão proporciona suavidade ao passar por solavancos e outros tipos de obstáculos na pista.

Fique atento à direção

Outra questão importante é a verificação da existência de pontos cegos ao visualizar o tráfego. Isso pode variar de acordo com o tamanho da pessoa que está dirigindo ou com a disposição do para-brisas.

Verifique também se o veículo se mantém em linha reta quando o volante está solto e se demora a responder quando a direção é girada.

Pressione os freios

Os freios param o veículo sem problemas? Caso encontre um lugar seguro, como um estacionamento vazio, freie de forma vigorosa a cerca de 60 km/h, e então verifique se o veículo faz a parada de forma suave e em linha reta.

Quando o test drive estiver completo, lembre-se: conduzir o carro não é um acordo implícito de que você vai comprá-lo. Se você não está pronto para adquirir, não há motivo para voltar a entrar no salão de vendas.

Peça o cartão do vendedor, pois ele investirá pelo menos uma hora com você. Caso decida retornar e negociar, certamente vai procurá-lo. Aja sempre com educação, mas mantenha a firmeza.

Agora que você já sabe tudo o que precisa sobre os test drives, ainda tem alguma dúvida ou história para compartilhar? Deixe um comentário e conte para nós!